Quem sou eu

Minha foto

"Sou uma Bruxa (palavra com muitos significados na linguagem comum) porque uso as energias da natureza e celebro seus ciclos. Meu convívio com estas forças é forte e harmonioso visto que busco nelas as energias para me nutrir e auxiliar a quem necessitar. Minha grande Catedral é o Cosmos e ali estão todas as crenças, religiões e doutrinas que preciso para a evolução da alma. Ali coloco meu coração e recebo as energias para ser feliz. Como Wicca, meu ritual é feito ao ar livre e tenho o Céu (Cosmos) como cobertura e ali referencio a grande Mãe que somada as energias masculinas do Deus Conífero, formam, a meu ver, o equilíbrio necessário entre as forças Yin e Yang"

Selo de Hécate

Selo de Hécate

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Magia Vermelha


Se a Magia Branca e a Magia Negra se definem com relativa unanimidade, já quanto á magia vermelha existem diversos conceitos e definições.

Para alguns, a magia vermelha é magia realizada através de meios sexuais e com fins eróticos, ou seja: a carnalidade é um instrumento usado em rituais místicos com a finalidade de invocar entidades e forças espirituais relacionadas com a fertilidade e a sexualidade.(veja também: magia sexual) 

A conjuração desse tipo de espíritos ou forças, é normalmente realizada com objectivos amorosos, em trabalhos que se destinam a despertar em certa pessoa paixão, a abrir essa pessoa aos avanços de quem encomenda o trabalho, a despertar-lhe desejo sexual, etc.

Nesse tipo de rituais, são invocados espíritos como Incubus e Sucubus.

Essas  teses afirmam que a magia vermelha usa a sexualidade como fonte de alimento e atracção de espíritos demoníacos da luxúria, que assim alimentados com essências que lhes são agradáveis e que advêm da carnalidade, aceitam os serviços que lhes são encomendados.

Neste tipo de definição, defende-se que a magia vermelha é uma extensão da magia negra, aplicada a fins eróticos.

Há quem afirme tambem que  a magia vermelha esta também associada á proposta ritualista do "Caminho da Mão Esquerda", que afirma que o êxtase carnal é uma porta aberta para acedermos ás esferas espirituais, e assim contactarmos com as mesmas para diversos fins, que vão do aperfeiçoamento espiritual , á produção de certos efeitos neste nosso mundo físico.


Outras versões, afirmam que a magia sexual se situa nas praticas ritualistas que envolvem oferendas de sangue, e o apelo e divindades do amor e da fertilidade.

O sangue é um elemento magico apreciado tanto por poderosos espíritos, (Deus no antigo testamento pede diversas vezes para que se Lhe oferende sangue), como por demónios. Assim, magia envolvendo sacrifícios animais e oferendas de sangue, é considerada magia vermelha, sendo que diversas religiões, ( kimbanda, Vodu, etc), praticam esta forma de oferenda aos espíritos.

Por outro lado, diversos cultos religiosos Afro - Brasileiros praticam rituais de oferendas de sangue combinadas com praticas de êxtase carnal para invocar espíritos do amor, e assim realizar trabalhos de diversas natureza, (estes geralmente com fins amorosos, sema eles de conquista ou vingança) sendo que alguns consideram que estas praticas são na verdade técnicas de magia vermelha. Recomendo também leitura de: magia sexual.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Blessed Be!